Luz e sombra

Madalena estava na sala de espera do dentista com um senhor que não parava de a observar. Com a intenção de amenizar o ambiente, dirigiu-se a ele fazendo conversa sobre o tempo e o dia bonito que fazia lá fora.

O senhor respondeu-lhe amargamente, pois não concordava nada com ela:  ele detestava dias de sol.

Madalena, surpreendida com tal resposta, questionou-o uma vez mais, absolutamente incrédula.

Finalmente, veio a explicação – algo rebuscada – para tal repulsa: tinha a ver com o facto de ele sentir que a luz o escurecia.

Ela – embora começasse a perceber que se estava a meter em assuntos demasiado profundos – não resistiu a confrontá-lo, dizendo-lhe que, provavelmente, ele teria medo da sua própria sombra.

Resoluto, o senhor respondeu-lhe que até podia temer tudo: menos a sua sombra.

Madalena já estava a ficar um bocadinho irritada com a conversa, até porque começava a não ver nenhuma lógica no tema. E, mais uma vez, disparou em direção do senhor: como podia alguém sentir que uma luz o escurecia?

Impenetrável , ele respondeu-lhe muito filosoficamente que, na realidade, tudo podia acontecer porque somos opostos de nós mesmos.

Ora aqui estava uma deixa para ela arrasar – pensou. E decidida, avançou: se tudo podia acontecer, então haveria alturas em que a luz o iluminaria. Estava orgulhosa desta sua conclusão e convencida que lhe tinha pregado uma rasteira mas, ao contrário, e mais uma vez, foi ele que não demorou a responder que ainda não tinha perdido a esperança mas que isso nunca lhe tinha acontecido. Sempre a desarmá-la.

Conclusão da história: ele divertiu-se imenso e ela jurou que, de futuro, nunca mais abriria a boca numa sala de espera do dentista – só mesmo quando se sentasse na cadeira para fazer o tratamento.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s